Pium, sábado 19 de outubro de 2019

Educação

Calouratins-Campus de Dianópolis.

22/02/2016 03h16

Divulgação Raimundo Rodrigues Bezerra, diretor do Campus da Unitins em Dianópolis
 
O Ritual denominado “Trote Estudantil” nasceu na Inglaterra e chegou ao Brasil através de Portugal. Marcado por muita violência esses acontecimentos forçava o acadêmico novato a pagar um castigo de conotação negativa, culminando inclusive com o registro de óbitos.

Hoje, mercês de uma visão altruísta, a gestão universitária vem substituindo referidas práticas, nefastas, por ações que buscam sensibilizar os jovens acadêmicos para os problemas sociais como responsabilidade de todos; oportunizar aos universitários veteranos experiência e habilidade ao curso e à futura profissão; e, confraternizar e integrar os calouros, veteranos, docentes e funcionários da Universidade.

Nesta linha de raciocínio a Unitins Dianópolis promoveu este evento na data prevista no calendário acadêmico 2016-1. A abertura foi conduzida pelo diretor do Câmpus, Prof. Raimundo Rodrigues Bezerra que, após saudar e desejar boas vindas à comunidade acadêmica enfatizou: O ensino superior público no Brasil está vivenciando transformações profundas e, não obstante, vem-se reconhecendo amplamente que a educação superior é um elemento fundamental no desenvolvimento social e econômico de qualquer país. Reformas nacionais juntamente com iniciativas em âmbito estadual como esta da Unitins, recém-chegada em Dianópolis, vem buscando universalizar cada vez mais o seu acesso.

Após a abertura do semestre letivo em curso, como parte do projeto Calourada, o Prof. Júlio Cezar A.Barreto, ministrou a palestra “ Agora Somos Acadêmicos”, onde foram abordados temas como administração de tempo, expectativas em relação ao curso e à Universidade, choque de realidade, mercado de trabalho, dentre outros.
Segundo o palestrante, é preciso que o acadêmico cobre da universidade e de seus professores, coordenadores e direção, porém é preciso que cada um faça sua parte também e que procurem se empenhar ao máximo nos estudos, que busque conhecer e entender as normas e regras da universidade. Destacou, ainda, a importância e a necessidade da credibilidade e do compromisso com a instituição como fundamental para o crescimento e o desenvolvimento do Câmpus, pontuou.

Em ato contínuo, formou-se uma Mesa Redonda sob o tema “ Unitins – Oficina de Profissionais de Sucesso “,com a participação dos Professores: Felício Cordeiro, bacharel em Direito, especialista em direito público e vice-presidente da OAB,Sub-seção de Natividade; Deusdete Belém, bacharel em Ciências Contábeis, especialista em Auditoria e Análise de Balanços e Docência Universitária e, Josivaldo Alves, bacharel em Administração, pós-graduado em Planejamento e Gestão Empresarial e Mestre em Desenvolvimento Regional.

 
Após as exitosas experiências profissionais proferidas pelos professores, integrantes da mesa, o diretor do Câmpus concluiu: “nós não fazemos parte da Unitins, nós SOMOS A UNITINS”.
Finalizando nosso prazeroso evento, a mensagem de reflexão que deixamos a todos é de autoria do Ministro do STF Supremo Tribunal Federal e Professor da faculdade de direito da UERJ-Universidade Estadual do Rio de Janeiro, Dr.Luis Roberto Barroso: “Ninguém é bom demais, ninguém é bom sozinho e é preciso agradecer”. 

Raimundo Rodrigues Bezerra
Diretor do Câmpus

   

Comentários (0)

  • Nenhum comentário publicado. Clique aqui para comentar.
Jornal Ecos do Tocantins    |    Contato: trajanocoelho@gmail.com    |    (63) 98444-2993